O Novo Grito do Ipiranga

Mais informações
Autor:
Valdirene Do Carmo Ambiel (veja mais livros deste autor)
Editora:
Linotipo Digital(veja mais livros desta editora)

Por: R$ 60,00 Em 3x de: R$ 20,00

Comprar
Consulte aqui o valor do frete e prazo de entrega do produto
Opção de parcelamento via cartão de crédito
  • 1x de R$ 60,00 sem juros
  • 2x de R$ 30,00 sem juros
  • 3x de R$ 20,00 sem juros
Avalie:

Este livro que agora o leitor tem em mãos é uma grata surpresa a todos os que, como eu, cultuam e se preocupam com a verdadeira história do Brasil. Neste magnífico trabalho de pesquisa relatado em O Novo Grito do Ipiranga, essa surpresa se misturou a emoção, por ser um chamamento e defesa de nossas raízes não só lusitanas, mas africanas e indígenas. E isso sem desmerecer em nada a contribuição de imigrantes italianos, japoneses, alemães, espanhóis e árabes, dentre outros, irmanados hoje pela língua portuguesa, que nos é comum. Os estudos arqueológicos nos remanescentes humanos de nosso primeiro imperador, D. Pedro I, e de duas imperatrizes, D. Leopoldina e D. Amélia, permitiu à arqueóloga e historiadora Valdirene do Carmo Ambiel nos falar desses vultos históricos e de restabelever fatos verdadeiros e esquecidos a respeito de personagens tão importantes da nossa história.

Código de barras:
9788565854146
Dimensões:
23.00cm x 16.00cm x 1.50cm
Edição:
1
Marca:
Linotipo Digital
Idioma:
Português
ISBN:
9788565854146
ISBN13:
9788565854146
Número de páginas:
271
Peso:
438 gramas
Ano de publicação:
2017
Encadernação:
Brochura

Sobre os autores

  • Nome do Autor Valdirene do Carmo Ambiel

    Historiadora, formada no Centro Universitário Assunção (UNIFAI), SP, 2009. Mestra em Arqueologia, formada no Museu de Arqueologia e Etnologia da Universidade de São Paulo, 2013, Doutorada da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo.  É membro titular do Instituto Historico e Geográfico de São Paulo. Foi auxiliar nas pesquisas do Projeto de Arqueologia Funerária no Mosteiro da Luz, nas escavações no cemitério interno do Mosteiro, em São Paulo. Trabalhou na Prospecção Arqueológicano Quartel da Luz, São Paulo  e nas Pesquisas Arqueológicas e Antropológicas nos remanescentes humanos do diplomata e Pai da História do Brasil, Francisco Adolfo de Varnhagem, Viaconde de Porto Seguro, em 2016, no Instituto Historico Geográfico e Genealógico de Sorocaba, como arqueóloga responsável, ao lado do médico legista e biólogo Dr. Luiz Roberto Fontes.